Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ANTE-ONTEM LEMBREI ASSIM DE TI

Choro um sem fim de momentos
por esta recordação
que guardo no peito.


Guardo no mais íntimo
deste ser,
a alegria de me sentir
nostalgico por ti.


Criou-se no égo
deste rouxinol magoado
a tênue alegria
de lembrá-la,
com carinho cada pôr de sol.


Tenho os olhos,
molhados por chorar.


Crateras se fizeram
estranhas,
ao meu dia a dia.


Sinto falta de ti !
Até o fundo
do meu coração despido,
portanto,
venhas até mim
vestir esta nudez.


Serei grato,
me transformarei
diante teus pés.


Preciso que venhas !
Mesmo que seja
num grão de areia,
desta tempestade
a minha frente.



Do Manuscrito: Pra uma rosa com amor.
tabayara sol e sul
Enviado por tabayara sol e sul em 19/10/2007
Código do texto: T701511
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
tabayara sol e sul
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 70 anos
615 textos (122346 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 21:25)
tabayara sol e sul