Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A ti que procuro.

A ti que procuro.

Que poder mágico e tão desesperador
Que possui a saudade que altera comportamentos
Influi nos nossos destinos.
Ao qual estamos ligados como autômatos.
E mesmo alterna nos e nos torna sem rumo.

Mas continuamos a caminhar em idéias
A busca de respostas a nossas perguntas
Que estamos sempre a formular.
E em mistérios procuramos um a um.
Segredos a deslindar.

Temo as vezes que esse caminho é obscuro.
Mas ao lado nada. Só há saudade mesmo.
Que nos tritura e empalidece
Mesmo que eu grite. Que eu esbraveje
Você só você servirá.

Eu quero impor a paz entre nós,
Preciso plantar o amor. E muito mais.
Espairecer as duvidas do ontem
Reestruturando o hoje
Para te amar mais amanhã

O coração dita. Para que a alma reflita
O lapis rascunha. O computador edita.
E eu ou nós Publica(amos) Palaras e ou.

ELIO CANDIDO DE OLIVEIRA
Enviado por ELIO CANDIDO DE OLIVEIRA em 20/10/2007
Código do texto: T702673
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (elio candido de oliveira). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ELIO CANDIDO DE OLIVEIRA
Ibiá - Minas Gerais - Brasil
4102 textos (160059 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 19:22)
ELIO CANDIDO DE OLIVEIRA