Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto







 

 

Na traição, deixastes o adeus

Em lagrimas ardentes com

Resíduos de velas oleosas que

Choram meu único silencio

Como tributo final.

 

Na tua partida,restam os murmúrios

E ficam minhas incertezas ociosas e reais

Que afloram meus sentimentos do nunca mais

 

 No quarto um retrato jogado, e no desalinho

teu vestido, o vidro de perfume,nossos ciúmes

 

 

No contraste singular,nosso anel abandonado

Pelas rudezas do tempo,que não acrescenta

O sentido do acontecido,nem os ponteiros

Enferrujados de limo.

 

Na rua sinuosa de labirintos, os fantasmas

Choram a amante perdida,no vermelho pálido

Lá fora nossa canção jaz morta no terreno árido.

 

demetrioluzartes
Enviado por demetrioluzartes em 20/10/2007
Código do texto: T702986

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (demetrio luzart). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
demetrioluzartes
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
979 textos (36488 leituras)
12 áudios (773 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 02:27)
demetrioluzartes