Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ah, você!

Olhar como o seu a tradução inimaginável,
Imagem como a sua inexplicável...
Não lhe querer abraçar a loucura,
Tentar não pensar em você, tortura...
Ah, você... Bela derramando encanto,
Passos levando esplendor...
Por você qual seria o santo
Que não cometeria o pecado do amor?

Seu corpo em gestos, leveza,
Sua presença à mente, princesa...
Ah, você... Mulher, doce, menina,
Você... Sonho, realidade, ilusão...
Pode ser tudo, gata, felina,
Paixão, deslumbre, obsessão...
É chama que arde dentro do peito,
O último pensamento quando me deito...

Quais são os seus segredos?
Revele-os e acabo com seus medos...
Sua alma imersa em luz se me apresenta
Como o sol que aquece o dia...
Ah, você... Visão que atormenta,
Charme que seduz, brilho que extasia...
É da simpatia revelação sagrada,
Na imaginação dos sonhos, fada...

Teu sorriso expressão da felicidade,
Tua presença, beleza em espontaneidade...
Traz o mistério na forma provocante,
Nos braços a certeza de encontrar colo...
Ah, você... Deusa pura, insinuante,
Que suas lágrimas jamais caiam ao solo
E que estes versos que agora você lê,
Demonstrem o quanto significa você...
Sandro La Luna
Enviado por Sandro La Luna em 26/10/2007
Código do texto: T711609

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sandro La Luna
São Paulo - São Paulo - Brasil
865 textos (69862 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 06:16)
Sandro La Luna