Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Soneto do AMAR GOSTOSO


Soneto do AMAR GOSTOSO

O imenso sofrimento da saudade
Já foi cantada em verso e prosa
O amor quando forte tem lealdade,
Tornando-se uma coisa gostosa.

O amor está no peito de quem ama
Com fervor e retêm muita emoção
Sente a ternura da amada, clama
Sua presença, clama com obsessão

Amor sincero a gente sente no peito
Porque é vibrante e nos faz cantar
As delícias desse amor quase perfeito.

Essa emoção só não é perfeita totalmente
Enquanto não entendemos o nosso amar
E ao entendermos, amamos apaixonadamente.

tancredo
Enviado por tancredo em 14/11/2005
Código do texto: T71352
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
tancredo
Valença - Rio de Janeiro - Brasil, 76 anos
118 textos (65454 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 07:03)
tancredo