Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMENIDADES - CANTO XIV - Para o poeta.

Sonhava ..... eu doce poeta
felicíssimo a sonhar ......
fui o primeiro a te amar ......


Te amar  ?  Sim  !
Com toda a sabedoria de saber te  amar,
um dia no futuro quando estivermos longe
um do outro ...... Lembres minhas carícias
e este amor que é todo teu,
por mais longe
que estejamos, um do outro.


Nossos corações,
estes sim  !
Serão os juizes, e que pena de nós
ninguém os trairá
nem mesmo nós seremos capazes ......
tabayara sol e sul
Enviado por tabayara sol e sul em 28/10/2007
Código do texto: T713605
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
tabayara sol e sul
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 70 anos
615 textos (121506 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 07:01)
tabayara sol e sul