Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Reencontro

Amor escondido
Desejo proibido
Por mim já banido
Não foi possível esquecer

Amor ensadecido
Em demasia contido
Desejo bandido
Infinito de amar você

Portanto voltei
Pra ti me guardei
Em sentimentos esquecidos
Eu me arrisquei

Entretanto, oh meu amor
Amar-te sem pudor
Ainda é difícil
Pra não dizer impossível

Em vão uma vez tentamos
E ambos nos machucamos
Saindo com feridas
Sem direitos a despedidas

Agora intimamente
Meu desejo mais ardente
É amar-te loucamente
Façamos, pois, um brinde à vida!
Lírios ao Vento
Enviado por Lírios ao Vento em 30/10/2007
Código do texto: T716332

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Lírios ao Vento
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
50 textos (2551 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/10/17 03:52)
Lírios ao Vento