Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Chove lá fora ...

Chove lá fora ...

Ouço as gotas da chuva baterem contra o vidro de minha janela ...
Escuto o ritmo ainda suave dos pingos da chuva a se misturarem-se com as batidas de meu coração ....
Olho para a calçada molhada e vejo lá adiante uma figura a espreitar-me através de um janela ....
Será que imagina a minha solidão?

Ou talvez eu não seja a única solitária essa noite a querer desnudar no céu o brilho de uma estrela ...
Sei que o amor esta em outro coração ...
Mas esse coração tb se sente assim, quando esta longe de mim?

Com vontade de ver através das paredes
Com o desejo de visualizar a minha alma perdida da sua ...
Ou será que ele se perdeu nas ruas ...
Pela distância que entre nós se criou...



Sombra de ser pensante ...
Peregrina perdida , errante ...
Sinto que posso ter hoje vários nomes
Olho pela vidraça enquanto a chuva lá fora se torna tormenta e com isso só aumenta o meu vazio do teu vazio ...
As águas são a purificação das lagrimas por nós choradas ....

Em choro manso .....
Um choro de lavar a alma
Como essa chuva que cai lá fora e purifica o mundo por onde andas a vagar ....
Wanda Ayala
Enviado por Wanda Ayala em 15/11/2005
Código do texto: T71765

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Wanda Ayala-www.recantodasletras,.uol.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Wanda Ayala
Portugal
425 textos (36692 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 20:17)
Wanda Ayala