Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ENVELHECIMENTO

Eu sou um velho,
Que ao envelhecer soube
Contemplar o pôr-do-sol,
E respirar o ar puro das manhãs,
Ao delicioso despertar.

Eu sou um moço,
Que ainda não descobriu
Os seus valores e dons,
Esmera-se em dissabores
E em sonhos tão distantes.

Eu sou um alguém,
Que ao amar entregou-se,
Deixou-se levar pelos impulsos,
E enxergou o óbvio,
O mundo também envelheceu.

Eu sou um viajante,
Que perdeu sua nave,
Chegou atrasado em seu sonho,
Deixou-se conduzir serenamente,
Até ao apagar das luzes.

2.007
JOSE LINS
Enviado por JOSE LINS em 31/10/2007
Código do texto: T717661
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
JOSE LINS
Lins - São Paulo - Brasil, 62 anos
499 textos (31866 leituras)
26 áudios (1988 audições)
4 e-livros (116 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 04:35)
JOSE LINS