Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DEVANEIOS

Quando as horas vagam,
Quando nada mais há,
A única coisa que sei fazer
É pensar em você.

Mas, para que pensar?
E, como se não bastasse,
O amor que sinto por você
Aumenta dia após dia.

Mas eu não consigo entendê-lo!
Você está tão perto
E parece estar tão distante!

Sequer consigo suportar a idéia
De um dia vir a perdê-lo.
Porque dentro de mim
Queima como fogo
Esse amor tão intenso
Que sustento por você.

Mas você parece não perceber isso
E, então, desisto de falar,
Evito o seu olhar,
A sua presença e, assim, me sinto morrer
Aos poucos,
Como se nunca
Eu houvesse existido!
Despecial
Enviado por Despecial em 15/11/2005
Código do texto: T72064
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Despecial
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 57 anos
352 textos (17197 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 18:25)
Despecial