Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DEVASSIDÃO

Em teu olhar,
Em teu sorriso,
Em tua ânsia de amar
Eu descobri o paraíso
E tive medo
De nunca mais voltar.
Medo que anseia
Uma paixão devassa
Como fogo que incendeia
Por onde passa,
Causando tumulto,
Pedindo trégua,
Abrindo os braços
Àquele que os nega.
Paixão assim eu vivi
Um dia, por um momento,
Quando te olhei,
Quando sorri,
Quando acenei
Para o vento.
Paixão amarga, que dor
De haver-te encontrado
Em sonhos de amor.
De haver-te perdido
De tanto buscar-te
E assim sofrido
De tanto amar-te.
O amor, hoje sei,
Nada mais é que um sonho,
Um sonho que chorei
N’alma o que componho.
Mas se sonho sei que vivo,
E se vivo sei que sonho,
Sei que busco encontrar
A ilusão e a dor
De saber amar.
Despecial
Enviado por Despecial em 15/11/2005
Código do texto: T72065
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Despecial
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 57 anos
352 textos (17197 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 20:45)
Despecial