Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A mais doce das mulheres

 

Ela era menina ainda

quando a conheci

por causa de suas sardas

os meninos com ela implicavam

chamando-a de garota ferrugem

ele bem que mereceu o apelido

era brigona implicante

uma verdadeira pimenta

usava sempre uma velha calça

uma camisa quadriculada

pelo tamanho devia ser de seu pai

um dia a encontrei na rua

toda arranha, roupa rasgada

trazia no rosto um sorriso feliz

eu acabei rindo dela

furiosa jogou-se sobre mim

esquivei-me e ela acabou caindo

então eu senti a sua dor

não senti pena ao levanta-la do chão

levei-a para casa cuidei dela

tratei de suas feridas

depois fui embora

sentindo que alguma coisa

havia acontecido comigo

os anos passaram, quantos não sei

ela mudou, eu também mudei

ela deixou de ser implicante

as sardas sumiram

a menina que era pura pimenta

hoje é, a mais doce das mulheres!

 

Balneário dos Prazeres: 02 / 11 /2007

 

 

 

 


Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 02/11/2007
Reeditado em 02/11/2007
Código do texto: T720852
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 70 anos
2316 textos (148711 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/08/17 10:42)
Volnei Rijo Braga