Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Confidente



Eu sento calada
De frente a imensidão
E sussurro:

- Leva-me daqui,
Vento impuro
Faz-me prisioneira
De um determinado coração.

Ouço ao longe uma voz
Que ao meu pedido
Grita em contraste:

- Não será prisioneira
De quem já aprisionaste!

Levanto
Calada,
Porém consciente.

- Já és meu!- murmuro entre suspiros.


E o vento sorri
Confidente.
Jessiely Soares
Enviado por Jessiely Soares em 03/11/2007
Reeditado em 03/11/2007
Código do texto: T721309
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Jessiely Soares e o link para o site "http://recantodasletras.uol.com.br/autores/jessielysoares"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Jessiely Soares
Bananeiras - Paraíba - Brasil, 32 anos
75 textos (2532 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 04:53)
Jessiely Soares