Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A L U C I N A Ç Õ E S


Ouviam-se alaridos....
Pareciam vir de longe ... era noite
Duma sangrenta lembrança,
E esta vida realizava-se
Desta forma.


Outras vezes, procurei escutar ....
Pra bem poder destacar
Límpido ao pé do ouvido.
Coisas estranhas novamente
Escutando, quase a desfalecer....


Caiu-me ....bem a minha frente
Um estrondoso ruflar
Um ser, que deixou-me cair a baba
De susto tamanho ......


Aqueles alaridos chegaram
Como raios sobre mim,
Deixando-me convulso e apavorado.


Ouviam-se alaridos só, e eu ali,
Numa grande solidão
De dar medo a qualquer vivente,
Por sentir coisas fantásticas e fantasmagóricas.


tabayara sol e sul
Enviado por tabayara sol e sul em 03/11/2007
Código do texto: T721840
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
tabayara sol e sul
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 70 anos
615 textos (121506 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 05:23)
tabayara sol e sul