Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tolo Poeta



Compreensível são os clamores
daquele que nada possui além de promessas.
Tolo, medíocre em pensamentos,
pedaço perdido como outras peças,
usado como um nada para formar um vazio.

A quem pensas enfrentar
quando tem diante de si a imensidão do amor,
aquele que direciona e não é direcionado,
que impulsiona sem ser decretado
e apenas acontece
para quem por ele foi marcado?

Estúpido poeta!
Cala tua alma em meio a tuas fantasias,
direciones tu mesmo as tuas pobres poesias,
àquela outra que não se importa,
o quão tolo possas ser.
Ela apenas comenta aquilo,
o que não precisa entender...


ENIGMA
Enviado por ENIGMA em 03/11/2007
Reeditado em 26/07/2013
Código do texto: T722112
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ENIGMA
Seattle - Washington - Estados Unidos
1120 textos (182405 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 12:11)
ENIGMA