Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Lareira

As madeiras
ardem em chamas
não aquecem ,a saleta
do coração de quem ama

Sua luz,reflete
nos adornos de prata e ouro
Não mostrando riquezas
e sim um sinal de mau agouro

Um mal início
não quer dizer
um ruim livro
mas que a estória melhora se quiser

As madeiras
ainda queimam
ainda querem
ainda amam,amam e amam

A luz,do fogo
ilumina no fogo dourado
o espelho na parede
empoeirado e que fora quebrado

um pressagio ruim
o medo que resiste.
Não escrevo um livro
que este fim insiste

A madeira
chama, clama
Pelo amor descrito
No fim do livro
de quem ama
Sem Nomes
Enviado por Sem Nomes em 07/11/2007
Reeditado em 20/06/2009
Código do texto: T727403
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sem Nomes
Jundiaí - São Paulo - Brasil, 29 anos
113 textos (4556 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 12:13)
Sem Nomes