Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

INVERTENDO O PLACAR

Invertendo o Placar

Nem me avisaram
Que era um jogo
Que eu não sabia
Jogar
Não custava tentar

Ser juiz, torcedor,
Técnico, goleiro
Ou gandula
Eu não quis

E nesse intento
Driblei a timidez
Tabelei com a conquista
Venci o primeiro tempo
Esbanjando lances de artista

Já no segundo tempo
O jogo fui perdendo
Me atrapalhei com a tática do adversário
E com o jeito da bola

Eu que me candidatei
A ser artilheiro
Tropecei num zagueiro
E chutei
Bola fora

Era o tal do jogo do amor
Mas esse não foi honesto
Começou com o placar comprado
Ponto pro adversário

Para mim que
De ser artilheiro
Tinha esperança
Fui rebaixado
A roupeiro
Daquele jogo
Só me restou
A lembrança

Mesmo sem aceitar que o amor
Seja um jogo
Em outro campeonato sério
E verdadeiro eu vou
Novamente tentar

Não vou ficar no
Banco a olhar
Quero honestamente
Outra vez jogar
E do amor ser titular.
                                    Analúcia Azevedo. 07/11/2007.
                                 
Analúcia Azevedo
Enviado por Analúcia Azevedo em 07/11/2007
Reeditado em 07/11/2007
Código do texto: T727530
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Analúcia Azevedo
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 43 anos
127 textos (12371 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 03:59)
Analúcia Azevedo