Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Não Quero Ver Lágrimas Em Teu Olhar

eu observo as estrelas
que caem do seu olhar
mas há algo tão belo em ti
eu não caredito que nesse mundo exista alguem igual a ti
você é como uma estrela perdida no espaço
uma flor nascendo em um jardim
eu daria lhe flores
daria lhe as estrelas
colocaria me de joelhos perante sua realeza
pois seu amor é como um sonho que não vai acabar
e quando falar do tempo diga que vai melhorar
eu quero te ver sorrir quero estar lá
e quando você fechar os olhos e pensar em desistir
saiba que ainda há alguém no mundo
que sempre acreditará em ti
eu dou lhe flores
daria lhe as estrelas
me colocaria de joelhos
Perante sua realeza
pois em seu coração há um sentimento que
nunca vai se apagar
então levante se
contemple a vida
saia quero te ver feliz
um sorriso em seu rosto quero encontrar
mas nunca quero ver a lágrima em teu olhar
eu queria estar lá
não para te ver cair e querer levantar
mas queria poder
cair em seu lugar
eu dou -lhe flores
dou lhe as estrelas
eu dou lhe sonhos
me ponho de joelhos perante sua realeza
pois seu coração carrega uma chama que não quero ver se apagar
então levante
contemple a vida
saia
ilumine o mundo com o teu sorriso
mas nunca deixe
teu brilho apagar
com as lágrimas do teu olhar
eu quero teu sorriso
quero teus sonhos
quero tua graça
quero teu encanto
mas não quero ver a lágrima em teu olhar

©2007*Marcos Menezes de Almeida*(Todos Os Direitos Reservados)
Marcos Menezes de Almeida
Enviado por Marcos Menezes de Almeida em 10/11/2007
Código do texto: T731990
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcos Menezes de Almeida
Aracaju - Sergipe - Brasil, 32 anos
361 textos (17624 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 23:28)
Marcos Menezes de Almeida