Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sobre o Amor e as Estrelas

Sobre o Amor e as Estrelas

Jorge Linhaça



Acordo pensando em ti, coração a pulsar no peito;

insônia de uma amor (in) acabado, que pulsa insistente.

Vou pra varanda vislumbrar as estrelas fugidias.

Como saber se o brilho que me chega é de uma estrela ainda pulsante, viva?

Tantas estrelas já se apagaram em sua origem

e a luz insiste em chegar a nossos olhos...

Batizo uma delas com teu nome,

é maneira que encontro de ter-te "perto" de mim.

Miragem ou ilusão, realidade talvez...

Quem sabe o amor jamais se apague como as estrelas,

quem sabe apenas se esconda nas noites nubladas

para reaparecer quando o céu estiver limpo novamente?

Resposta impossível de saber ao certo,

como impossível é saber se as estrelas morreram.

Mas ainda que seja apenas a luz reticente, perdida no espaço,

ainda assim, é um raio claro a vencer a escuridão.

Rompe a alvorada a anunciar o novo dia,

as estrelas se "apagam" no céu da noite retirante.

Quem sabe na próxima noite, ainda estará lá

a estrela símbolo de nosso amor ?


 
Jorge Linhaça
Enviado por Jorge Linhaça em 12/11/2007
Reeditado em 20/04/2012
Código do texto: T733577
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jorge Linhaça
Salvador - Bahia - Brasil, 56 anos
3724 textos (727298 leituras)
95 áudios (13154 audições)
1 e-livros (278 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 14:45)
Jorge Linhaça