Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESTA ESPÉCIE DE CANÇÃO -Tens- (Letra)

Tens
Qualquer
Coisa
No teu olhar
És o trilho
Das estrelas
A que eu quero
Chegar

Tens
Uma alma
Do tamanho de Deus
Que origina em mim
O desejo
Dos teus sonhos
Serem também os meus

Tens
Uma luz
Que anseio
Ver
Na osmose sensitiva
De às vezes
Te querer dar um beijo

Tens
A energia adormecida
De um vulcão
Que derrete o gelo
Que por vezes sou
Vento que passa
E que leva as palavras
Que te dou

Tens
O poder divino
De um orador
Que me leva
A querer deixar
De adorar a lua
Para venerar o sol
A pairar eternamente em teu redor

Tens
As cores
Que eu quero
Para completar
A minha inacabada oração
Ao belo
Que o é
Quando a alma
Abraça a imensidão

Tens
Um amor
Que
Por vezes
É uma ternura
Estrofes lançadas ao acaso
Mas que em mim
É algo que perdura

Tens
Um novelo
Nas mãos
Que enrolas
E estás sempre a desenrolar
Sabendo
Que na outra ponta
Sou eu
Que sabes estar

Tens
A matemática
Errática
Mas assertiva
Dos dois sermos
Uma multidão
Uma magia
Que me fez escrever
Para ti
Esta espécie de canção
Miguel Patrício Gomes
Enviado por Miguel Patrício Gomes em 16/11/2007
Código do texto: T740266

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Miguel Patrício Gomes
Portugal
5145 textos (173363 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/10/17 11:41)
Miguel Patrício Gomes