Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ressonância.

Ressonância é o fenômeno pelo qual um corpo
sonoro vibra quando o atingem.
E a tua ressonância me atingiu em cheio,
eu vibro na tua frequência o tempo todo,
como um sonho que se repete a todo momento,
e sonho não tem preço, não se barganha.
Não se pergunta quanto, mas como realizar.
Não se diz impossível, sem esperanças,
não se limita, não se pode interpletá-lo.
Não se diz: "Quero falar com quem está aí dentro",
Ninguém se mostra por inteiro, "Destruir máscaras".
E meu ego não me deixa chegar onde eu quero,
então mantenho distância de mim mesmo,
quem sabe assim, eu faça você voltar pra mim.
Meu parapsicólogo segura a minha segunda-feira,
depois de um Domingo é sempre mais difícil.
Você diz: "sou linda", e eu confirmo,
também nunca dormi com mulher feia,
mas já acordei várias vezes.
Quando você me deixou, fiquei com cara de cão sem dono,
levei um mês até voltar a registrar as coisas,
acho que tenho que trocar meu HD, andar a pé demora mais,
esquecer também, mas eu prefiro chegar pelos meus próprios meios.
Aceita? Cianureto com gelo e limão, e você deixou o seu "Adeus",
no espelho do banheiro, com um beijo. Desculpa! Prefiro cianureto.
Mas dispenso o gelo, estou resfriado. Sofrimento é perda de tempo...
masoquismo gratuito, mas quem não passou por isso...
que atire a primeira lata de cerveja, tenho que reformular meu site.
Tenho que reavivar o designer da minha casa, e voltar ao meu estilo camaleônico. É preciso ter uma certa flexibilidade para se levar a vida,
então dispenso o cianureto, e bebo um copo de leite,
sem soda, desculpe o trocadilho com coisas sérias,
sem soda cáustica, afinal isso mata,
e eu não conseguiria viver sem você, tão pouco morrer,
acho que estou até achando divertido sofrer.
E isso meu parapsicólogo, vai ter que saber.

Ricardo di Paula, 18/11/07.  
Ricardo di Paula
Enviado por Ricardo di Paula em 18/11/2007
Código do texto: T742250

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Ricardo di Paula.(ricardo.mync@ig.com.br)). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ricardo di Paula
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 49 anos
327 textos (72353 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 06:56)
Ricardo di Paula