Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tokinha.

Você é o meu acordar pela manhã,
sobreviver ao sono que embriaga meus sentidos,
e me faz morrer um pouco a cada amanhecer,
você me faz recordar o sonho que tive,
e não consigo mas lembrar,
nem tenho coragem de esquecer.
Você é meu café com leite,
molhar o pão na manteiga,
passar o café no pão e derramar na cama,
te vejo tão pequena, como se fosse grande.
Tokinha de gente que trás grandes lembranças.
Enamorados no silêncio que arde e clama,
ou quem sabe um Tokinho de madeira na lareira,
que arde e queima de saudades,
enquanto você desce pelas escadas,
posso ouvir os seus passos na serenidade da manhã.
Você vê as flores na mesa, mel e frutas colhidas com o coração,
pães que você mais gosta recheados de paixão,
deitado na rede eu te digo: bom dia! com um sorriso.
Você diz: isso tudo pra mim?
Sim, é o mínimo que eu posso fazer,
para celebrar uma grande paixão.

Ricardo,18/11/07.
Ricardo di Paula
Enviado por Ricardo di Paula em 18/11/2007
Reeditado em 18/11/2007
Código do texto: T742363

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Ricardo di Paula.(ricardo.mync@ig.com.br)). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ricardo di Paula
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 49 anos
327 textos (72332 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 02:09)
Ricardo di Paula