Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
SOZINHA

Sozinha não era ninguém
Precisei de companhia
Queria um alguém
Que me trouxesse alegria.

Então esperei você
Sabia que um dia viria
Fizeste-me somente te querer
Enchendo-me de fantasia.

Os momentos que vivemos agora
Na mais completa harmonia!
Contigo vou pelo mundo afora
Vivendo uma alegoria.

Querendo-te mais a cada dia
Vou aprendendo a viver
Es a minha mais doce melodia
Por tua causa deixei de sofrer.

Não sei como expressar
O tamanho deste amor
Estou sempre a desejar
Viver ao teu lado trovador.

   

 
ANGELICA ARANTES
Enviado por ANGELICA ARANTES em 20/11/2007
Reeditado em 20/11/2007
Código do texto: T744536
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ANGELICA ARANTES
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
4373 textos (288964 leituras)
72 e-livros (3873 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 11:47)
ANGELICA ARANTES