Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
SOZINHA//ANGELICA ARANTES//HLUNA

ANGELICA ARANTES

Sozinha não era ninguém
Precisei de companhia
Queria um alguém
Que me trouxesse alegria.

Então esperei você
Sabia que um dia viria
Fizeste-me somente te querer
Enchendo-me de fantasia.

Os momentos que vivemos agora
Na mais completa harmonia!
Contigo vou pelo mundo afora
Vivendo uma alegoria.

Querendo-te mais a cada dia
Vou aprendendo a viver
Es a minha mais doce melodia
Por tua causa deixei de sofrer.

Não sei como expressar
O tamanho deste amor
Estou sempre a desejar
Viver ao teu lado trovador.

HLUNA

Lindo e doce trovador,
que tem na voz melodia,
não se cansa de compor,
versos de amor, todo dia.

Exalta os dotes da amada,
sua beleza, o encanto...
Ela logo apaixonada,
lhe entrega tudo - garanto

Lhe entrega seu sorriso,
e a boca fresca - pura.
Conheceram o Paraíso,
e do amor a ternura.

Obrigada amiga pela colaboração. Amei
ANGELICA ARANTES
Enviado por ANGELICA ARANTES em 20/11/2007
Código do texto: T744985
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ANGELICA ARANTES
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
4373 textos (288985 leituras)
72 e-livros (3873 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 00:34)
ANGELICA ARANTES