Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ana na Janela

Quando eu te vi, já fora do trem
sorrindo pra mim, não vi mais ninguém
era só Ana, era só ela, era só meu amor
era a coisa mais bela

Quando eu vejo a lua, e você não ta mais
o perfume é seu, não me deixa em paz
era só Ana, era só ela, era só meu amor
me olhando na janela

Quando eu passo na rua, cê num passa mais não
a gente tava juntinho, pisando no mesmo chão
era só Ana, era só ela, era só meu amor
o jeitinho só dela

Quando eu choro sozinho, cê num vem mais aqui
mas eu lembro do cê, me contento em sorrir
era só Ana, era só ela, era só meu amor
aumentando com a espera.
Bruno Salim
Enviado por Bruno Salim em 21/11/2007
Código do texto: T746252
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Bruno Salim
Vila Velha - Espírito Santo - Brasil, 28 anos
103 textos (3485 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 10:38)
Bruno Salim