Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CANÇÃO das MULHERES numa PRIMAVERA MAGRA

Bimbamboleias teu andar ribombante estalando-te na acústica do céu teatral do Brasil
Os anjos dançam quadrilha agitando as asas sobre os abortos violentíssimos! nas favelas
Desmontaram o circo em que os leões te lambiam Nós ainda éramos nascidos quando as músicas soavam entre os muros
nós ainda éramos nascidos e não sabíamos o que era crime e o que não é
Ainda desta vez os políticos negociarão a terra da perfeição e da ordem
e os canibais palitando os dentes e os meus cabelos estão cortados em forma de crina porque grafito evangelhos ao longo das rodovias e dos viadutos,
fêmea imortalizada pela gestação de deuses inéditos e raças extintas na beira do mar maternal dos nossos delírios mitológicos,
tua carne sedosa molhada de orgasmo e lágrimas
e os negros tocam saxofone no camburão enquanto ateus e crentes dopam-se nas respectivas permissões
Ainda assim e ainda que fosse as novas religiões nasceram da química dos ministérios e nascerão
E nascerão das enluaradas festas ao deus anônimo dos bosques inconclusos,
crepusculírios - eternimutáveis jovens inclementes,
alheios, apenas alheios, alheiosengendrantes do amor selvagem
megalampo sex-brutal
d'amantes prévios
incansáveis vagabundos
tônicos
no sol berrante
a fêmea flama o vibro: natância o desejo além do castigo,
para que eu livre dos números e das leis,
ponteie na viola, a vontade acesa no teu corpo nu,
a canção das mulheres numa primavera magra
Eriko y Alvym
Enviado por Eriko y Alvym em 21/11/2007
Reeditado em 09/05/2016
Código do texto: T746263
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (ERIKO ALVYM e www.erikoalvym.zip.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Eriko y Alvym
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
1309 textos (32776 leituras)
8 áudios (1075 audições)
2 e-livros (177 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 01:02)
Eriko y Alvym