Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O TEMPO NÃO EXISTE SEM VOCÊ

O céu e a terra não nos cabem
E o tempo já não pára.
Penso; concluo que não existo. Sangro, não sara.
Da vida, os homens nada sabem.

O amor só se torna antiquado,
Quando, em nós, ele não mais existe.
Se a mim diriges olhos tristes,
Mais tristes que os teus olhos é o meu presente-passado.

No futuro, me ponho a sonhar,
Beijá-lo, assim como aos teus lábios, nunca pude,
Festejam a esquivar-se de uma alma rude,
Que, aos dois, obstina-se a esperar.

A quem, o tempo, a eternidade negou,
Com migalhas foi acostumado,
Não pôde viver do passado,
Tampouco, no futuro tocou.

De migalha de tempo, lhe restou o presente,
(Desponta em seu rosto um sorriso indolente),
Que sobeja com folga a quem tem um ideal.

Arrebatado por um sentimento inclemente,
Viver o agora, é te amar loucamente,
Sem se preocupar com o momento fatal.


Elton Diniz Pacheco
Enviado por Elton Diniz Pacheco em 22/11/2007
Código do texto: T747435
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Elton Diniz Pacheco
São Luís - Maranhão - Brasil, 34 anos
62 textos (2081 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 08:19)
Elton Diniz Pacheco