Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

E no principio

LVIII

No principio era escuro
e surgiu Deus
com o teu retrato
e á tua semelhança
fez o mundo,
fez todo o firmamento circundante.
Vendo teus olhos centilantes
plantou estrelas no céu
e das tuas lágrimas salgadas
rasgou as planinces fundas
criando o mar.
Do teu sorriso nasceu a luz
o brilho do sol que ilumina o dia
e dos teus negros cabelos
caíu a noite,
palácio da lua, insónia e inspiração.
Olhou Deus novamente
para o teu retrato
e viu tua alma pura
viu sol, água , luz e trevas,
viu esperança
o amanhecer da vida
e em quimica, metabolismo celular
surgiu o homem
para o mundo povoar.
Caminhou anos
percorreu vales e montanhas
até o teu retrato encontrar
e se apaixonou,
viu a beleza e inventou o amor
e o teu retrato beijou (instinto)
e como que magia proventura
o milagre acontece,
obra de Deus nosso senhor
do retrato desbrotou a mulher,
e a humanidade prosperou.

miguel lopes
miguel lopes
Enviado por miguel lopes em 22/11/2005
Reeditado em 29/12/2006
Código do texto: T74839
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
miguel lopes
Portugal, 33 anos
47 textos (1081 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 00:56)
miguel lopes