Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MEU DELÍRIO

Sandra Mamede

23/11/2007 (02.10)

 

 

Entrego-me aos braços de Orfeu

Quando na verdade outra coisa eu queria

Era entregar-me aos braços seus

E aninhada ao seu peito dormiria

Então neles dolentemente sonharia.

 

Mas na cama deitada sozinha

Curto  amarga o meu desejo  sem reação

Passo as mãos nos lençóis...desarrumados, frios

Percebo triste a minha grande solidão.

 

Solidão de quem ama e deseja

Um dia ser amada e tão querida

E  nessa cama que ora choro solitária

Amanhã, quem sabe...  sorrirei bem aquecida

 

Cercada por seus braços...  qual correntes

Entregar-me-ia  submissa a essa prisão

Desejando somente   e ardentemente

Olhar seus olhos e ver neles também paixão!

 

 

 

 

]

 

 
 
Sandra Mamede
Enviado por Sandra Mamede em 23/11/2007
Reeditado em 23/11/2007
Código do texto: T748667

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sandra Mamede
Salvador - Bahia - Brasil, 65 anos
202 textos (31002 leituras)
2 áudios (210 audições)
1 e-livros (55 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 21:10)
Sandra Mamede