Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VENENO DO AMOR

Que maldição!
Até mesmo nas noites de profunda solidão
Você vive a me perseguir
Quando estou deitado e as lagrimas caem
E apenas culpa sua que dos meus pensamentos não sai
Que culpa tenho eu por te querer
Por te amar demais.

Hoje apenas posso chorar
Pelos momentos que nunca mais voltará
Aquele tarde aquele beijo
Tempo nenhuma apagará
Nem mesmo o meu sofrimento
Que hoje pode ser arrependimento
Arrependimento do silencio, silencio que me calou naquele momento
Momento que eu tinha muitas coisas para te falar
Mas novamente o medo de amar me calou
Calou-me, mas dessa vez me condenou
Uma condenação eterna, eterna foi a perda do seu amor.

O amor?O que é o amor?
O amor para mim hoje é explicado com a palavra dor
Dor de viver sem seus beijos, sem seu carinho, sem seu ser e sem seu cheiro.
Já que você não pode mais me amar
Eu te peço
Para de me perseguir, para de me atormentar
Apenas saia dos meus pensamentos
Da mesma forma com que você saiu de minha vida
E fez questão de esquecer aqueles momentos
Momentos que hoje são dores, dores profundas
Que me matam mais um pouco
Dia e noite
Noites e dias...
Renato D Oliveira
Enviado por Renato D Oliveira em 25/11/2007
Reeditado em 10/11/2008
Código do texto: T751997
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Renato Dieckson). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Sobre o autor
Renato D Oliveira
Gurupi - Tocantins - Brasil
2228 textos (188161 leituras)
2 áudios (432 audições)
2 e-livros (204 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 22:58)
Renato D Oliveira