Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A mor te AMO

REZO E ME MASTURBO OLHANDO A FOTO DELA
ELA JÁ FOI MINHA PRINCESA
MAS AGORA,NÃO PASSA DE UMA CADELA
AINDA ADMIRO SUA BELEZA
A PRESENÇA DELA AINDA ME GELA
AINDA POSSUO CERTA FRAQUEZA

TANTAS VEZES JÁ ME MATOU
DIZENDO PALAVRAS TÃO DURAS
FEZ SER ISSO QUE HOJE SOU
ESSA MALDITA CRIATURA
ATÉ HOJE O HOMEM QUE MAIS CHOROU
O QUE MAIS AGUARDA A SEPULTURA

POR DENTRO EU APODREÇO
POR FORA AINDA ME SEGURO
SERÁ MESMO QUE EU MEREÇO
TER UM DESTINO ASSIM TÃO DURO?
ELA PAGARÁ UM ALTO PREÇO
MENINA MORTA,ESQUEÇIDA NO ESCURO.





pedro carmo
Enviado por pedro carmo em 23/11/2005
Código do texto: T75319
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
pedro carmo
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil, 34 anos
172 textos (5174 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 03:51)
pedro carmo