Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

OVERDOSE DE AMOR

    DIÁRIO MALÉFICO

  Aonde houver dose de tristeza

Será minha alegria.

  Aonde houver dose de amor

Vou ser o torturado.

 Aonde houver dose de amargura

Saborearei com doçura.

  Aonde houver dose de pranto

Ai sim hei de rir tanto.

 Aonde houver dose de violência

Não terei clemência.

 Aonde houver dose de morte

Ali será minha sorte.

 

 Mas havendo dose de alegria

De tristeza eu fugiria.

  Havendo dose de amor

Vou gritar de dor.

 Havendo dose de doçura

Chorarei de amargura.

Havendo dose de clemência

Como farei a violência?

 Havendo dose de vida

Em mim sairá ferida.

 

Aonde se clamar por esse Cristo

Estará selado meu juízo,

E havendo em tudo isso luz

Aqui estará aquele JESUS.

 

 COMO NÃO SOU BABACA

SAIREI EM DISPARADA,

MAS SE VOCÊ MARCAR

PODE CRER VOU VOLTAR AR... PUF

 

Ricardo Portero
Enviado por Ricardo Portero em 27/11/2007
Código do texto: T755623

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (citeo nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ricardo Portero
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
4672 textos (93813 leituras)
2 e-livros (123 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 08:38)
Ricardo Portero