Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Felicidade congelada.



Tu és quem faz da minha música
Esta Babel desvairada.
É aquela que confunde, inebria.
É musa, é caminho, és estrada.

E se algum viajante hesitar
E começar a escrever canções de amor;
És tu, jibóia, quem o esmaga.
O despedaça e o faz sangrar em dor.

Ah! Doce é estar vivo com você.

Doce é morrer nesses mares de fuga.
Doce é toda a dor que da busca vem.
Mas duro é a dor não cessar.
Mais dura é a dos que nada tem.

Ainda me lembro; nossa primeira casa.
Algumas imagens estão congeladas:
Cerveja, Pink Floyd, cheiros de sexo –
Fotos de duas criaturas amadas.

Ah! Doce é estar vivo com você.


Luciano Fortunato
Enviado por Luciano Fortunato em 29/11/2007
Código do texto: T757410
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Luciano Fortunato
Mendes - Rio de Janeiro - Brasil, 47 anos
561 textos (79844 leituras)
20 áudios (426 audições)
15 e-livros (3280 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 01:04)
Luciano Fortunato