Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pungente

O amor
nascido ao acaso

raso e profundo

farol aceso ao luar
torna vívido o meu olhar
que fecunda tua alma

estrelas desabrocham
a nossa história

no brio e nas dissonâncias
no disfarce, cáspite
brumas e pérolas

minhas águias
ópteras do passado

povoam nuas
em teu corpo

tuas garras aprumam
absortas

no desvairar das horas loucas
- entre desejos e gemidos -

como rosas selvagens
na relva úmida

do transe
- caos -
e plenitude.


Verônica Partinski
Enviado por Verônica Partinski em 29/11/2007
Código do texto: T757782

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Verônica Partinski
São Paulo - São Paulo - Brasil
361 textos (12828 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 08:32)
Verônica Partinski