Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DEPOIS DO ATO DE AMAR.

O sentido arrumando as malas, as vestes se alongando uniformemente,
O meu corpo amor ratado de prazer, o som se esvaindo através das núpcias.
 
O prelúdio em remorso e a brisa condensada. Ah! Nosso estado singelo.
O vinho da púrpura noite condecorando as estrelas e a cada luz absorvida pela penumbra...

Reprise de vidas estacionárias emitindo fogo á toda nave que veleje junto desta expectativa,
A manha fundindo harmoniosamente para que o descanso toma-nos em arma letal.
Este sorriso modelando a satisfação e a sua energia preenchendo as minhas lacunas.

O belo monopolizando o nosso viver...
e o amor...
Sempre o amor desabrochando como
A cintilante e sutil das últimas orquídeas.

Gueko
Enviado por Gueko em 03/12/2007
Código do texto: T762869

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gueko
São Mateus - Espírito Santo - Brasil, 51 anos
813 textos (34015 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 05:21)
Gueko