Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

UM SONHO PERDIDO



Visual extasiante de mulher envolvente,
Sou amor que repulsas com indiferença,
Por que prometes ao teu fiel pretendente,
O momento idílico em uma total crença?

Somos trânsfugas da mocidade virtuosa,
Jamais em quimeras devemos arquitetar,
Não tens o traquejo da beldade amorosa,
A realidade vivamos sem nos preocupar.

Debalde me norteias a um profícuo afeto,
Sem ao menos de longe querer observar,
Esta vã nução que me fazes teu desafeto,

Nos instantes de dor, hás de me procurar,
Ausentas de mim com o teu afago abjeto,
Sou apenas o homem que te queria amar!

Riva. 045
Rivadávia Leite
Enviado por Rivadávia Leite em 26/11/2005
Código do texto: T76484
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rivadávia Leite
Vila Velha - Espírito Santo - Brasil
222 textos (4401 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 02:58)
Rivadávia Leite