Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NUM DIA QUALQUER

Foi num dia qualquer de novembro
a primeira vêZ que te vi.
Passaste e sorriste.
Para mim?

Foi num dia qualquer de dezembro,
cheguei e te falei o que eu queria.
Tu sorriste
E disseste sim!

E num outro dia, de outro mês qualquer,
Tu menina, a quem eu chamava de mulher,
se despediste,
não sorriste
e disseste  não!


04-12-07
Vanderleis Maia
Enviado por Vanderleis Maia em 05/12/2007
Reeditado em 15/08/2008
Código do texto: T765517
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vanderleis Maia
Imperatriz - Maranhão - Brasil
1412 textos (112361 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 12:53)
Vanderleis Maia