Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sonho de amor

Pensei ser loucura aquilo que sentia,
naquele instante de sublime devoção
com meu modo de amar, eu  exprimia
de modo claro e com suave entonação

Você ouvia atentamente o meu desejo
nunca abriu a boca  para se expressar,
parecia ter concordância, é o que vejo,
não se negou, em dar amor nem me amar.

Eu que queria em tal momento de ternura,
quando o amor nos embota o pensamento
e que tudo aquilo não passava de  fissura,
do modo meu e por eu ter, um sentimento

Ficamos  assim, durante dias entorpecidos,
o céu  estava baixo, rente aos nossos pés,
o  nosso   amor não tinha  sido preterido,
e nós vivíamos do jeito que a gente quer.

Ao  acordar daquele sonho que eu tinha,
estava só e transpirando  sobre  a cama
aí lembrei-me que há muito você não vinha
pra  me  acalmar e apagar a  nossa chama.

Um doce sonho...

04-12-07
Vanderleis Maia
Enviado por Vanderleis Maia em 05/12/2007
Código do texto: T765872
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vanderleis Maia
Imperatriz - Maranhão - Brasil
1412 textos (112337 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 09:58)
Vanderleis Maia