Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Perdoa-me Amor....


Teu canto silencioso entrelaça-se furtivo
Na longa espera ,sem os ecos de outrora
Resta-me moribundo  entender porque choras

Tuas artimanhas me ferem as lembranças
Encravadas no peito nu de guerreiro,onde ate
O macio  de tua pele me fere como lanças

Levo ao mar meu murmúrio, lavando
Nas águas salinas o doce perfume de anjo
E o silencio que não compreendo

Estou mais ausente sem a alma presente
A penumbra ardente beija meus desenganos
No meu derramar do pranto,no meu amor ausente.

Perdoa-me pelo que não fiz,antes que cresçam os danos
Antes que o vendaval leve para longe a angustia do meu pranto
Antes que o nosso retrato se rasgue nas escarpas dos anos.


demetrioluzartes
Enviado por demetrioluzartes em 06/12/2007
Reeditado em 06/12/2007
Código do texto: T766787

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (demetrio luzart). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
demetrioluzartes
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
978 textos (36481 leituras)
12 áudios (773 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/08/17 19:04)
demetrioluzartes