Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMOR QUE FLUTUA (1.12)


Sonetos de Malume.



Caído em teus seios me fazes ser meigo!
Ensina-me a amar, contigo sou leigo,
Eu ouço palavras, que falam a minh’alma,
Uma paz tão serena me traz toda calma!

Contigo eu aprendo, jogar o amor,
Nas pedras da dama, fui teu vencedor,
Por cima da cama, me fez ser feliz,
Com tanto chamego, feita meretriz!

Contigo aprendi, não fazer rodeio,
No time do amor, ganhei no torneio,
Venci no placar, com tua carícia!

Tu tens um amor, que tira o bloqueio,
Que flui duma fonte, no meio do seio,
Amor que flutua, num mar de delícia!



Direitos autorais reservados.
Malume
Enviado por Malume em 26/11/2005
Código do texto: T76693
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Malume
Fortaleza - Ceará - Brasil
452 textos (16865 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 18:06)
Malume