Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESCOLHA

Me revesti por inteiro de
todo o desejo, ser eu de novo
e conviver comigo mesmo.
 

Tanto faz se ficar feliz,
ou se me desinteressar com
aquilo que escolhi, o essencial,
foi que o meu eu,  quis assim.
 

Não tem importância se entre o
bem e o mal existir alguns monólogos,
no final, e se estiver errado, sou eu
aquele que será condenado.
 

Como se nota, os desencontros
estarão presentes, e daí o eterno
confronto entre a virtude e o nocivo,
pela disputa da justa razão.
 

Creio que não poderia haver
melhor escolha, de súbito terei
que andar com as próprias pernas,
a princípio, amparado por minha inclinação.
 

Por derradeiro, vou devolver à quem
de direito, tudo o que me foi emprestado,
e na vivência comigo mesmo,
aprender a respirar outra vez.
 
 


 
 
 
 


 



 

 


 
 
                                               
 
 
 
 
 


 

 

 
 
 
 
 
 
 
 
Wil
Enviado por Wil em 06/12/2007
Código do texto: T767697
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Wil
São Paulo - São Paulo - Brasil, 82 anos
2700 textos (85612 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 01:50)
Wil