Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ENQUANTO O TEMPO PASSA

Enquanto o tempo passa,
eu me refaço, procurando entender.
Vulnerável às mais leves feridas,
resisto como posso,
tentando não transparecer.

São os fatos, são os cacos,
são os cortes que deixam cicatrizes.
E se for ela, aquela quem mais me faz sofrer,
revejo a paisagem dos momentos felizes...

Enquanto o tempo passa,
farei da dor cinza e fumaça,
que tendem a desaparecer.



 

CAVALEIRO SOLO
Enviado por CAVALEIRO SOLO em 07/12/2007
Reeditado em 22/06/2013
Código do texto: T769247
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
CAVALEIRO SOLO
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
820 textos (62290 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/11/17 06:01)
CAVALEIRO SOLO