Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Carta ao meu amor

Você não faz idéia do que eu sinto por ti.
Saiba que eu te amo demais.
E o tamanho deste amor
Não tenho como descrever
Tudo o que eu sinto por você
Em gestos meus se revela
No dia a dia, no ato de dividir;
Repartir não só nossas alegrias
Mas, cada avanço conseguido.
Cada dia é o melhor dia,
Cada momento é o melhor momento.
Ah! São tantas estórias para contar
Não sei por onde começar.
O melhor de tudo é que é verdade
Não é devaneio do poeta.
Tanto que a poesia não rima,
Não é uma carta qualquer.
 É uma carta ao meu amor,
Mas, eu sei que quando você a ler,
Verá em cada palavra, nosso amor;
Em cada frase, um momento nosso.
E saberás que eu sou feliz.
O mais feliz dos mortais.
E se na poesia faltou à rima
O amor rimou em seu coração.
E nossos corações compõem
A mais linda canção.
E se faltarem palavras aqui
Você as achará em meus beijos.
Nunca conseguirei dizer tudo,
Somem-se os beijos, as palavras,
Meus gestos de amor.
Cada momento passado,
Nosso presente, e de certo,
O que virá pela frente.
Estou de peito aberto
Para te amar cada vez mais.
O que me deixa mais feliz
É o seu sorriso na leitura.
A certeza de que sou correspondido.
E se tudo for um sonho,
Sei que não acordarei sozinho.
Edson Satler
Enviado por Edson Satler em 02/12/2005
Código do texto: T79917
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Edson Satler
Cotia - São Paulo - Brasil, 49 anos
32 textos (1853 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 11:55)
Edson Satler