Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Então ....entreguei os pontos

De repente,
O espírito fraquejou,
A alma entristeceu,
O corpo cansou,
A ilusão se desmanchou,
A esperança se foi,
A magia se quebrou,
O brilho se apagou,
O sonho se acabou,
A solidão chegou,
Trouxe o medo,
O sofrimento,
A escuridão,
O vazio,
A dor.

Compreendi
De uma só vez atordoado e sem fôlego,
Como que atingido por um soco no estomago,
Que para amar é necessário ser amado.
Compreendi que sem ser amado,
Não existe esperança,
Não existe ilusão,
Não existe sonho,
Não existe magia,
Nada faz sentido
Compreendi que sem ser amado,
A vida não merece ser vivida.

Então,..........entreguei os pontos.
Kris
Enviado por Kris em 06/12/2005
Reeditado em 07/12/2005
Código do texto: T81893
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Kris
Brasília - Distrito Federal - Brasil
49 textos (2787 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 02:12)