Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

POBRE CORAÇÃO ENRASCADO

POBRE CORAÇÃO!
ENRASCADO
FICOU ADORMECIDO
COMO SE ESTIVESSE MORRIDO
SEM BATER
SEM EMOÇÕES
FICOU FRIO E GELADO
POBRE CORAÇÃO!
NÃO TEM MAIS FORÇAS
PARA NOVAS PAIXÕES
DE TANTO SOFRER
SUAS ANGÚSTIAS
E SEUS AMORES
SONHA COM A SUA AMADA
QUE ESTARÁ SEMPRE AO SEU LADO
SÓ EM SONHOS
POBRE CORAÇÃO!
NÃO CONHECE O MUNDO
DA DESILUSÃO
VIVE NA UTOPIA
ACOSTUMOU CONVIVER COM A SOLIDÃO
JÁ PEDIU PERDÃO
POBRE CORAÇÃO!
ELE CAMINHA TRISTE
SÓ EXISTE
ELA PARA ELE
ESQUECEU DAS ESTRELAS
DA LUA TAMBÉM
ELE ESTÁ CEGO
SURDO E MUDO DE AMORES
IMAGINA QUE ELA APARECERÁ
A QUALQUER MOMENTO
PARA ACALMAR A SUA LAMENTAÇÃO
POBRE CORAÇÃO!
NÃO ESQUECE ELA
NENHUM INSTANTE
ELA MORA
MUITO DISTANTE
NÃO CONSEGUE LIVRAR
ESSA LIBERDADE
CHAMADA PAIXÃO
MORRERÁ DE SAUDADE
POBRE CORAÇÃO!
Milton Nunes Fillho
Enviado por Milton Nunes Fillho em 09/12/2005
Reeditado em 09/12/2005
Código do texto: T83191
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Milton Nunes Fillho
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 55 anos
1141 textos (460502 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 00:33)
Milton Nunes Fillho