Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Capacidade do Amor

Sinto o toque da brisa no meu rosto... Há quanto tempo eu não sentia isso...
Poder observar o sol com outros olhos, e sentir o calor que ele emana.
Tantas coisas mudaram... Ou fui eu quem mudou?
Será o que chegou em minha mente e em meu peito, exarceba meus sentidos, antes natimortos?
Que sentimento é esse que me faz ver tudo mais colorido?
Que sentimento é esse que me trás a consciência e ao mesmo tempo me lança a loucura?
O amor.
O amor continua o mesmo, mas ele tem a capacidade de modificar-nos.
Então, por onde ele anda?
Caminha entre nós, como nós.
Não é melhor nem pior. Mas é diferente. Ele tem o poder de modificar.
Então, vem amor, modifica minha alma e me retira dessa negritude solitária.
Vem, e me faz sentir você, me faz sentir tudo.
Me mostra que amar não faz medo. Me prova que te sentir é bom.
Cativa-me todos os dias, minuto a minuto e põe a prova minha dureza de se deixar amar.

Conta-me teus dias, e tuas noites e me faz ver que estou inclusa e reclusa em ti.
Reclusa numa liberdade sentimental, porém, liberta das vicissitudes da insegurança de amores passados.
 
Me prova que chorar por ti, e para ti vale a pena.
E que com isso não parecerei fraca, nem tola.
E nem perecerei nos véus escusos de paixões banais e amores passageiros.
 
Me mostra que sorrir por ti, é belo.
E que o mais belo é ter-te sempre mais.
Acolhendo amores e paixões em meu peito.
Sem temer ferir-me, e nem cair.
Pois, tu amor, serás a minha sustentação, e ao mesmo tempo um passo pra armadilha, Que desejo cair sempre, e continuar contigo.
 
Priscilia Nascimento
Enviado por Priscilia Nascimento em 29/03/2005
Código do texto: T8479
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Priscilia Nascimento
Recife - Pernambuco - Brasil, 35 anos
222 textos (24431 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 18:11)
Priscilia Nascimento