Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ébrio


Caminhais dentre pesadas nuvens
Em esparsos caminhos
E o coração entre espinhos
Malfadado de tanto amar
E no ar
Desanuviado e rarefeito das paixões
Entregas o teu coração
No desmantelo do amor e da paixão
Que vem
Mas que escapa entre teus dedos
E no enredo dessa história
Desabas em lágrimas
Chorando a triste partida
Da tua amada querida
E no vão cego da despedida
Te entregas a vida
Numa busca incessante
Constante e altiva....
Tua amada te entrega a vida
Nas mãos tuas benfazejas
Em troca da esperança de uma volta incerta
Mas tão certa quanto a morte
Dos corações apaixonados
Afastados pela distancia física
Mas nem a partida
Rompe a enorme harmonia
Que Deus presenteou nesse amor,
Coberto e certo,
Do véu inebriado,
Do mel degustado,
Do beijo insaciado,
Do olhar embriagado de desejo...
Aguardando nas mesmas densas nuvens desse texto,
Apenas um beijo,
Como se fosse o último,
Mas com gosto do primeiro,
Com cheiro de anjo,
Mas com gosto de pecado.
Priscilia Nascimento
Enviado por Priscilia Nascimento em 29/03/2005
Código do texto: T8492
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Priscilia Nascimento
Recife - Pernambuco - Brasil, 35 anos
222 textos (24395 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 01/10/16 00:12)
Priscilia Nascimento