Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TELEFONEMA:


Telefonema:


Um telefonema...
Um convite estranho
Para eu dividir uma cama
Perguntei quem era
Não quis me responder
Só queria saber, se eu topava.
Dividir minha cama com ela.
Pois estava sozinha aquela noite.
E precisava de alguém
Por esta razão tinha me ligado
Eu só teria que dizer sim
Eu disse sim, pois já sabia quem era.
A voz misteriosa no telefone.
Desliguei, sai, a rua para esperar.
A chegada, da misteriosa telefonista.
Que iria chegar a qualquer momento.
Ouvi a porta da casa ao lado bater.
Lá estava ela, minha adorável vizinha.
Que, aquela noite iria dividir comigo.
Aquela cama, e aquele espaço vazio.
E, aquele travesseiro a meu lado.




Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 15/12/2005
Código do texto: T86052
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 69 anos
2314 textos (147459 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 20:25)
Volnei Rijo Braga