Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

UMA VEZ MAIS OUTRO AMOR

por Regilene Rodrigues Neves
 
Do nada você me toca
A surpresa: uma canção!
“Eu não vou deixar você tão só”
M’alma viaja na melodia
Em cada estrofe me encontro a lhe buscar
Suas palavras completam minha emoção
Não me importa que estás tão longe de mim
Se na minha vida quiseres ficar
Com certeza arranjaria um jeito de te buscar!
 
Passei a vida sonhando palavras assim...
E agora você chega tímido, confessa-me:
Conta sua vida, seus anseios, sonhos...
Um amor...outro amor...sua história...
Uma página vira para nós dois
Um encontro no meio do nada...
 
Uma poesia...um novo verso que sonha
Uma vez mais outro amor!
 
Quando eu ti li pela primeira vez
Abriu-se uma janela no destino...
Nela luziu algo diferente
Suas palavras naquele perfil
Falando mais alto dentro de mim...
 
Um eco frágil no meu coração tocou
A sensibilidade expunha um homem
Em busca do amor...querendo partilhar
Uma nova história...um amor de alma gêmea
Que confesse compreensão...encanto...
Magia numa mesma sintonia
Daqueles que se sonha pra vida inteira
Sem medo de ser feliz por orgulho ou covardia.
 
Veio-me a lembrança de suas sábias palavras...
Quando sentado na calçada
Contemplando estrelas
Esperando mais uma vez de Deus
E se descobre que no silêncio
Precisava agradecer por aquele nascimento
E não esperar que solucionasse mais uma vez nossas vidas
Que Ele fazia aniversário e tínhamos que lhe dar os parabéns
E lembrar de agradecer pela vida maravilhosa que tínhamos
E por vezes nos esquecíamos em só lembrar o que não tínhamos!
 
Algo me fez refletir sobre você
Algum encantamento soa da sua alma
E sopra na minha...ecoa diferente
Uma voz que me enternece de ternura
Mesmo entre imperfeições confessas
Sinto em seu colo um abrigo...um amigo...um...
 
Como na canção estive errante em outros amores
Esperando um grande amor
Que por vezes chorei sem esperança de encontrar
E que em algum lugar você também esperava...
Que agora nunca mais vamos ficar tão sós
 
Se for por amor quero que fiques
Até que sinta o porto seguro
Desembarcar nossa felicidade
E na etérea canção
Deixar o tempo nos aproximar
Em surpresas assim que nos façam suspirar
Tocando um ao outro na distancia
Entre uma música e uma poesia
Que nos leve a sonhar o amor!
 
Em 25 de dezembro de 2005
 
 

regipoeta
Enviado por regipoeta em 25/12/2005
Código do texto: T90455

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
regipoeta
Goiânia - Goiás - Brasil, 54 anos
1312 textos (134396 leituras)
22 e-livros (7176 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 18:47)
regipoeta