Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DESATINO

Desejo ouvir tua voz, suave e sussurrada
Sentir teus passos vindo para mim
Desejo que meu sonho, não tenha fim
E ser por muito tempo, a tua amada

Desejo vê-lo sempre à minha frente
E que apareças súbito, à minha porta
Do teu prazer e do meu, estar quase morta
Desejo que não sejas indiferente

Por traz das nuvens sei, que há estrelas
Depois da noite fria, o dia quente
Atraz desse silêncio, amor que sentes
Minha paixão imensa, podes vê-la

Te quero como quem quer salvação
A Deus, peço que mude o meu destino
Tão Triste, vida amarga, solidão
Andar sem chão é dor, um desatino!
Once Upon a Time
Enviado por Once Upon a Time em 03/04/2005
Reeditado em 03/06/2005
Código do texto: T9511
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Once Upon a Time
São Paulo - São Paulo - Brasil, 57 anos
120 textos (5515 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 20:58)
Once Upon a Time